AFRICAN OWNED – Soba E-music, tecnologia social, digital e cultural.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Esta semana a música tem feito parte da nossa pauta e isto não é um acaso, temos observado o quanto esta arte tem sido valorizada nos últimos tempos, a pandemia trouxe uma reflexão social pertinente: O que faríamos sem arte?
A reposta tem sido vivida na prática e o aumento dos uso dos aplicativos de música elimina qualquer dúvida sobre esta questão.Nos últimos anos uma empresa de tecnologia tem sido fundamental para a difusão desta arte e inserção da cultura digital no país e no continente: Soba E-music

Lançada em 2018, a Soba- e- Music, era uma plataforma digital de venda e distribuição de músicas e CDs. Criada pelo empreendedor e músico Cláudio Fernando Kiala, a plataforma surge para dar resposta aos músicos que prenderem fazer dinheiro rentabilizando os seus produtos. Para comprar ou obter o serviço os interessados precisam apenas de criar uma conta no aplicativo disponível no site e no mesmo instante lhe é atribuído um número de cliente, que por sua vez, pode ser usado para o pagamento em qualquer terminal automático ( TPA).

O interessado pode pagar por uma música o equivalente a 70 ou 109 kwanzas e os preços dos vídeos variam de 200 a 500 kwanzas, já os artistas para terem os seus trabalhos disponíveis na Soba e- music, é só assinarem um contrato com a plataforma e passam a receber um total de 70% do valor de cada produto vendido e a soba viva com os 30%.

A Soba e-music está inserida numa plataforma mãe, a Soba store, que por sua vez realiza todo o tipo de venda digital, da mercearia à literatura. Fundada por Claudio Fernando Kiala, neste momento a soba e-music tem mais de 100 artistas cadastrados, entre angolanos e moçambicano. Os músicos que cantam o estilo rapper são os que mais procuram pelos serviços da soba e-music..

E não pára por aí, a plataforma Soba, viu os seus serviços alargados neste período de pandemia, pois a Soba e-music promove também espetáculos pagos, sendo a pioneira neste tipo de serviço em Angola. Um serviço dentro da plataforma que segundo o criador surgiu para ajudar os artistas e criadores de conteúdos a rentabilizar os seus trabalhos digitais.

O primeiro concerto online e pagos realizado pela plataforma ocorreu a 30 de Maio e teve como cabeça de cartaz o músico CFKAPPA, e de seguida apostou em artista como o humorista Gilmario Vemba, o músico Kizua Gourgel e outros.
Para ter acesso a informações basta visitar o site

 

(Imagem: Cladio Kiala, CEO e fundador da Soba E-music  by Carlos Aguiar)

SUBSCREVA HOJE

Tenha acesso às notícias dos famosos
pt_PTPortuguês
en_USEnglish pt_PTPortuguês