PLAY – Prémios da Música Portuguesa 2020: Os Vencedores!

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

PLAY – Prémios da Música Portuguesa 2020: Os Vencedores!

 

Muitas foram as caras conhecidas que passaram pela Red Carpet dos Play, a entrega de prémios que homenageia a comunidade da música em Portugal. O evento aconteceu no Coliseu dos Recreios e foi marcado por grandes momentos de emoção. Um dos momentos altos da noite,  foi a atuação de  Bárbara Bandeira e Kasha, em “Eu Não”, com muito sentimento e emoção . Com um  júri é composto por profissionais de gabarito como : Ana Margarida Rosa – Megahits, António Antunes – RFM, António Jorge – Rádio Renascença, Duarte Pinto Coelho – Radar, José Augusto Madaleno – Rádio Amália, Nuno Galopim – RTP, Luís Oliveira – Antena 3, Marco Ribeiro – Antena 1, Samuel Cruz – MTV, Sílvia Braga – Nova Era, Sílvia Martins – TVI e Vando Enes – Vodafone FM / Cidade FM. O coliseu dos Recreios acolheu a comunidade da música portuguesa no dia 29 de julho de 2020.

Na ocasião o prémio “Carreira” foi atribuído aos Xutos e Pontapés, “Melhor Álbum” e “Melhor Álbum Fado” foram atribuídos a “Aqui Está-se Sossegado” de Camané & Mário Laginha;b Lena d’Água levou para casa o “Prémio da Crítica” e “Melhor Artista Feminino”, os Capitão Fausto ficaram com as estatuetas de “Melhor Grupo” e “Vodafone Canção do Ano” e Bárbara Tinoco foi considerada a “Artista Revelação” de 2020.

Mais abaixo conheça todos os vencedores das 13 categorias, da segunda edição do Play- Prêmios da língua portuguesa 2020.

NOMEADOS E VENCEDORES

Melhor Grupo 

Capitão Fausto – VENCEDOR

Expensive Soul

Mão Morta

The Gift

Melhor Artista Masculino

Diogo Piçarra

Fernando Daniel

Salvador Sobral

Slow J – VENCEDOR

Melhor Artista Feminino 

Aldina Duarte

Ana Bacalhau

Blaya

Lena D’Água – VENCEDORA

Melhor Álbum 

“Aqui Está-se Sossegado” – Camané & Mário Laginha – VENCEDOR

“A Invenção do Dia Claro” – Capitão Fausto

“#FFFFFF” – Profjam

“You are forgiven” – Slow J

Melhor Álbum Fado

“Aqui está-se sossegado” – Camané & Mário Laginha – VENCEDOR

“Roubado” – Aldina Duarte

“Um Fado ao Contrário” – Pedro Moutinho

“Puro” – Matilde Cid

Vodafone Canção do Ano – VOTAÇÃO DO PÚBLICO

“Amor, a nossa vida” – Capitão Fausto – VENCEDOR

“Bairro” – Wet Bed Gang

“Bússola” – Nenny

“Também sonhar” – Slow J 

Prémio Lusofonia

“Menina Solta” – Giulia Be

“Sonhos” – Tainá – VENCEDORA

“Um Pôr do Sol na Praia – Silva & Ludmilla

“Terremoto” – Anitta & Kevinho

Melhor Videoclipe 

“Catavento da Sé” – António Zambujo

“Hear from You” – Branko, Sango, Cosima, ProfJam – VENCEDOR

“Grande Festa” – Lena D’Água

“Verão” – The Gift

Artista Revelação

Bárbara Tinoco – VENCEDORA

Murta

Nenny

Tiago Nacarato 

Melhor Álbum Jazz

“Dentro da janela” de João Mortágua – VENCEDOR

“Histórias do Jazz em Portugal” de André Sousa Machado

“Liturgy of Birds” de Daniel Bernardes & Drumming GP

“Ocre” de Filipe Raposo

Melhor música Clássica / Erudita

“Archipelago” de Drumming GP / Luís Tinoco – VENCEDOR

“Manuel Cardoso: Requiem, Lamentations, Magnificat & Motets” de Cupertinos & Luís Toscano

“Chamber Music I” de Hugo Vasco Reis

“Joly Braga Santos – Complete Chamber Music Vol I” por Quarteto Lopes Graça, Leonor Braga Santos, Irene Lima.

PRÉMIO DA CRÍTICA

Desalmadamente – Lena d’Água

PRÉMIO CARREIRA

Xutos e Ponatpés

 

(Foto: Virgul e Blaya no “Carpet play )

SUBSCREVA HOJE

Tenha acesso às notícias dos famosos
pt_PTPortuguês
en_USEnglish pt_PTPortuguês