This trap Thursday: “Baco Exu do Blues” 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Diogo Álvaro Ferreira Moncorvo, mais conhecido como Baco Exu do Blues, é um cantor, compositor e rapper brasileiro. 

Baco começou a ganhar popularidade após o lançamento da faixa Sulicídio, composta em 2016 com o rapper Diomedes Chinaski, em que ambos fazem críticas aos cenário nacional do rap, concentrado na região Sudeste, principalmente nos estados de Rio de Janeiro e São Paulo, reivindicando mais visibilidade para a produção musical das regiões Nordeste e Norte.

Dentre as principais características de Baco estão as suas fortes metáforas com letras cruas e poéticas, que falam sobre amor, sexo, poder, religião e sociedade. 

Baco Exu do Blues foi premiado como Artista Revelação pelo Prêmio Multishow de Música Brasileira. Na ocasião, o artista também teve a sua canção “Te Amo Disgraça” eleita a Canção do Ano pelos júris.

Entre o amor, sexo e a raiva, Baco Exu do Blues expõe as suas vulnerabilidades. Ao perguntar “quantas vezes você já foi amado?”, ele também levanta questões sobre o jeito que um homem negro no Brasil recebe afeto ou é hipersexualizado, sendo tratado apenas como um objeto de desejo.

 

@exudoblues

SUBSCREVA HOJE

Tenha acesso às notícias dos famosos
pt_PTPortuguês
en_USEnglish pt_PTPortuguês