Timeless: “João Acaiabe”

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

João Batista Acaiabe foi um actor, locutor, contador de histórias e professor brasileiro. Conhecido por interpretar o Tio Barnabé no seriado Sítio do Picapau Amarelo, de 2001 a 2006, e Chico no remake da telenovela Chiquititas, de 2013 a 2015. 

João Acaiabe, morreu no dia 31 de março, 16 dias após ser internado por conta da Covid-19. A informação foi confirmada à Quem pelo filho dele, Eduardo Acaiabe. No dia 31 de março, a sua equipa divulgou que ele foi diagnosticado com a doença no dia 15 daquele mês. 

Na TV, ficou mais famoso por papéis como Tio Barnabé em Sítio do Picapau Amarelo (Globo, 2001 – 2006), o seu Pimpinonni em Uma Rosa com Amor (SBT, 2010) e Chico no remake de Chiquititas (SBT, 2013 – 2015), além de contar histórias no programa infantil Bambalalão, na TV Cultura.

Estudou teatro na Escola de Arte Dramática de São Paulo (EAD), formando-se na turma de 1968, também na época um dos primeiros alunos negros da instituição. Após atuar em peças de teatro amador no final dos anos 1960 e início dos anos 1970, estreou no teatro profissional em 1971 na peça A Guerra do Cansa Cavalo , de Osman Lins, dirigida por Celso Nunes.

Em 1976 participou da montagem de Laço de Sangue, de Athol Fugard. Dirigida por Teresa Aguiar, foi a primeira peça de um autor sul-africano montada no Brasil. Recebeu a primeira indicação na carreira em 1980, quando foi um dos finalistas do Troféu Mambembe de 1979 na categoria de melhor ator de teatro por sua performance em A Maravilhosa Estória do Sapo Tarô-Bequê (1979).

Fez inúmeros trabalhos no teatro, cinema TV, um dos mais marcantes foi no programa Bambalalão na TV Cultura durante os anos 80, onde contava histórias para o público infantil. 

 

SUBSCREVA HOJE

Tenha acesso às notícias dos famosos
pt_PTPortuguês
en_USEnglish pt_PTPortuguês